PORQUE TRANSFORMAM UM MONUMENTO QUE TODOS DEVÍAMOS RESPEITAR, NUM ESPARTILHO QUE IMPEDE O NATURAL DESENVOLVIMENTO DA NOSSA CIDADE.




Não dá para perceber que o efeito da visão fundamentalista de certas entidades se constitua no impedimento do desenvolvimento da nossa cidade e da satisfação do interesse e necessidades da sua população.

Como referi anteriormente a integração do plano de água, que se constituirá quando concretizada a obra do fosso da muralha, no jardim público, é um anseio de há muito da população da cidade. Parece que, embora perspectivada no estudo prévio, a abertura de passagem ao centro da muralha do jardim público acabou por ser retirada do projecto final com o receio prévio de que o omnipotente IPPAR, símbolo dos maiores disparates que têm sido feitos na nossa terra, iria recusar.
Se o Presidente António da Conceição Bento houvesse sido assim tão submisso àquela omnipotência, ainda hoje acedíamos à denominada Ribeira Velha por uma rua com três metros de largura.

Respeitem-se todos os monumentos possíveis, mas respeitem-se em primeira instância os interesses das populações, caso contrário o respeito transformar-se-há em antagonismo. A atitude correcta passa pela conciliação de interesses. Que fique o monumento ainda que com algumas cedências que não o descaracterizem de todo.

A teimosia cega é sinal de falta de inteligência e os organismos, porque ao serviço das populações, devem ser inteligentes.

Comentários

  1. Amigo João Avelar

    Os meus sinceros parabéns pelo seu Blogue, a qualidade de escrita e os assuntos tratados são um contributo para o esclarecimento que faltava na nossa terra.

    Em relação ao post que estou a comentar agradecia um esclarecimento (nem que seja por mail), se é relacionado com o post anterior qual é a alteração?.

    Não estou de facto a enquadrar este assunto, pelo que agradeço um esclarecimento. Já agora posso referir que finalmente pude ver graças ao seu Blogue o projecto pormenorizado do fosso das muralhas.

    Um abraço


    http://pinturasempeniche.blogspot.com

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Este blogue não responde a comentários anónimos e apenas responde a perguntas dos comentadores.