O ESTACIONAMENTO DE AUTO CARAVANAS



A propósito do sinal de trânsito que acima reproduzo e que a nossa Câmara inventou, fazendo a ridícula figura, que se imagina, perante as pessoas que conhecem alguma coisa da matéria. Experimente a colocar o caminho abaixo no seu computador e verifique que, de entre as dezenas de sinais oficiais existentes, não existe a invenção da nossa Câmara.

Não tenho dúvida em admitir que entre os auto caravanistas existem pessoas cujo civismo deixa muito a desejar, nem poderiam ser excepção relativamente a uma boa parte dos restantes automobilistas, o que me aflige é o facto de se estar a criar a fobia generalizada, do anti caravanismo, quanto ao estacionamento, quando, nas mesmas circunstâncias, vejo outros veículos de todas as espécies, até pertencentes a pessoas que tenho visto criticarem o estacionamento de auto caravanistas.

O fenómeno do auto caravanismo é imparável, tantos são os utilizadores do sistema, por isso me parece que as câmaras municipais conscientes e interessadas em aproveitar, também, este fluxo turístico, só têm que fazer o possível por criar as condições necessárias para o devido ordenamento do mesmo, fazendo depois a exigência do cumprimento, por todos, das regras gerais.

É evidente que estou a referir-me ao simples facto do estacionamento da viatura e não à sua utilização como meio de acampamento.

Querer condicionar o estacionamento das auto caravanas, quando a desordem do trânsito em geral, na nossa terra é, como é hábito dizer, mato. (Ver Campo da Torre, Baleal, Super Tubos, Papôa, Consolação, etc. etc.)

Aconselha-se, portanto, que antes da repressão se faça a política da educação, começando, logicamente, por arrumar a nossa casa, para que, quando a visita chegar, aprenda a respeitar a ordem que encontra.

Caminho:
https://www.google.pt/search?q=sinais+de+transito&espv=2&biw=1422&bih=750&tbm=isch&imgil=_WA_XclPOdAzoM%253A%253Bj2yLZXjqh3T6lM%253Bhttp%25253A%25252F%25252Fwww.comofazer.org%25252Foutros%25252Freconhecer-e-compreender-o-significado-dos-sinais-de-transito%25252F&source=iu&pf=m&fir=_WA_XclPOdAzoM%253A%252Cj2yLZXjqh3T6lM%252C_&dpr=0.9&ved=0CCkQyjdqFQoTCOTC1I-x28gCFUbTGgodBEsBuA&ei=ap4rVuRlxqZrhJaFwAs&usg=__fl0IQCVWLNAHTj49f6BOwVPoprs%3D#imgrc=_WA_XclPOdAzoM%3A&usg=__fl0IQCVWLNAHTj49f6BOwVPoprs%3D

Comentários