QUANDO O INTERESSE POLÍTICO/PARTIDÁRIO SE SOBREPÔE AO INTERESSE DA NOSSA TERRA



Depois de mais uma opereta política acerca do fecho de duas escolas no nosso concelho, interessa fazer uma análise mais serena do que, na realidade, se passou.
Os factos dizem que todos os políticos locais sabiam que as escolas, agora encerradas, iriam fechar logo que estivesse ultimado o processo de instalação do Centro Educativo de Atouguia da Baleia, desde 2011.
Este processo teve a sua tramitação legal e a Câmara Municipal em determinado momento foi alertada para anomalias da candidatura na base da falta de determinados documentos.
O tempo foi correndo e a entrega dos elementos em falta não se verificou, do que resultaram duas situações, a perda do financiamento para construção do Centro Educativo e o encerramento, então previsto e adiado, das duas escolas.
Consumadas as duas situações vem a Câmara Municipal fazer o habitual show-off das providências cautelares para votante ver.
Com tudo isto o verdadeiro prejudicado foi o nosso concelho, que não conseguiu, por inépcia de quem liderou a candidatura, a instalação do Centro Educativo de Atouguia da Baleia, e seria contra isto que a revolta das pessoas se devia dirigir.

Agora vamos pensar por que motivo os tais documentos não apareceram, será porque o Centro Educativo era para a Atouguia da Baleia? Será que o interesse do nosso concelho foi submetido ao interesse político/partidário? Será que a caramunha está a ser feita por quem fez o mal?

Sem comentários:

Enviar um comentário

Este blogue não responde a comentários anónimos e apenas responde a perguntas dos comentadores.

QUE SAUDADE!!!!!!!

Cartão de Visita do Facebook