A NOSSA FORTALEZA (CHAVE DO REINO) E O DIA DA MARINHA




Passada a espuma das comemorações do “DIA DA MARINHA”, cujos responsáveis nos deram a honra de haver escolhido que se realizasse na nossa cidade, continua a bulir no meu espírito porque ficou de fora um local tão representativo da missão de defessa como é a nossa fortaleza.

Todos sabemos que o título, de que alguns penicheiros tanto se orgulham, “CHAVE DO REINO” está indelevelmente ligado àquele nosso monumento, que em conjunto com o forte de S. João Baptista, na Berlenga, e, naturalmente, com a acção de interligação da Marinha de então, foi atribuído por via de feitos protagonizados pelas três entidades.

Porquê então a nossa fortaleza foi uma ocasional e mera espectadora das festividades levadas a efeito no seu quintal?

Não sabemos, dá para desconfiar se não terá havido alguma intrusão dos ”DDT’ês” (DONOS DISTO TUDO), que entretanto desembarcaram nesta nossa terra.

Comentários

  1. A Fortaleza está fechada para obras, senhor...
    Está lá o aviso na porta.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Este blogue não responde a comentários anónimos e apenas responde a perguntas dos comentadores.