3,2 mil milhões de euros perdidos no mar

"Num estudo apresentado por uma organização britânica, conclui-se que se os mares europeus fossem explorados de forma sustentável, os países da UE ganhariam milhões de euros."

"A recuperação de 43 stocks de pesca nos mares do Norte, Báltico, Cantábrico e na costa ocidental portuguesa, actualmente saturados, poderá elevar as receitas anuais das frotas pesqueiras europeias em mais 3,2 mil milhões de euros por ano, o que equivale ao triplo do valor dos subsídios comunitários anuais à pesca."

O que seria possível fazer se a ganância de alguns tivesse medida!

A notícia acima está na newsletter de Portos de Portugal, cujo caminho passo a indicar:



Escuteiros prestam homenagem a patrono

"No domingo, dia 22, entram em cena os escuteiros das regiões de Lisboa e Viana do Castelo. Da zona da capital viajarão perto de 8000 escutas até Peniche, onde está prevista uma missa celebrada pelo bispo Auxiliar do Patriarcado de Lisboa, Joaquim Mendes, no espaço da Ribeira Velha, a partir das 10h30, seguida de actividades."
É bom que a nossa terra tenha sido escolhida para um evento desta natureza.
Notícia recolhida no jornal FÁTIMA MISSIONÁRIA, cujo caminho indico a seguir:




Toda a costa portuguesa está exposta a tsunamis


"O antigo reitor da Universidade de Coimbra Fernando Rebelo defendeu hoje que todaa costa portuguesa está sujeita ao risco de tsunami, e não apenas a sul de Peniche, como consta no Mapa Oficial de Riscos."

Fotografia e texto, que reproduzimos, foi extraída do Diário Digital, cujo caminho deixamos para consulta completa da notícia:

MAIS UMA ACHEGA PARA A HISTÓRIA LOCAL


É com muito gosto que dou notícia do lançamento de mais um livro sobre a história da nossa terra, compete-nos acarinhar a iniciativa. 

DEIXAMOS DE SER CHON PARA PASSARMOS A CHO.


Afinal parece que vamos ter o Centro Hospitalar do Oeste (CHO), segundo as afirmações de Fernando Leal. Passamos a estar ligados a Caldas da Rainha e Torres Vedras. Bem, sendo assim, se as urgências forem sediadas em Torres sempre ficamos a meio caminho de Lisboa e evitamos, como quase sempre acontece, de andar para trás a caminho das Caldas, a fazer o caminho mais longo. Entretanto Alcobaça vai juntar-se a Leiria, o que me parece mais racional, mas entretanto lá ficam os equipamentos de cirurgia do nosso hospital.

ECONOMIA VERDE PARA OS MARES


O mundo começa, finalmente, a levar a sério a necessidade de salvar os oceanos e os seus recursos, evitando os desmandos que têm sido praticados e a euforia das novas práticas que se projectam incrementar.
A ONU traça rotas para levar a economia verde para os mares.
Se está interessado nesta problemática, aqui tem o caminho



SINAL DOS TEMPOS QUE CORREM




As duas primeiras imagens reportam a situação actual da empresa que foi a pioneira na inovação das técnicas de congelação de vários produtos e a sua apresentação beneficiada aos olhos do público consumidor. Foi, por isso, o orgulho do sector industrial da nossa cidade, para além de ter constituído o sustento de muitas famílias. A outra imagem mostra o aspecto de alguns produtos que pareciam obras de cerâmica. Tudo tem um fim, mas lamento que a Sociedade Frigorífica de Peniche, Lda. não tenha conseguido manter-se na senda da sua ascensão progressiva como teve, para recordação da figura que esteve na génese da sua criação o Snr. Luís Correia Peixoto.

QUE SAUDADE!!!!!!!

Cartão de Visita do Facebook