Em 16 de Julho de 2013 (A praia da pedra)

Em 16 de Julho de 2013 (A praia da pedra)

A propósito o caso Cambôa será da estirpe estúpida?

A burrice tem duas estirpes, a burrice inteligente e a burrice estúpida.
A burrice inteligente, porque inteligente, tem associada a condição de humildade, então, os possuidores, mesmo não vendo para além de um palmo à frente do nariz, conseguem, pela condição humildade, perceber e, a maior parte das vezes, aceitar pontos de vista alheios.
A burrice estúpida, porque estúpida, tem associada a condição da teimosia e os possuidores, apesar de continuarem a não ser capazes de ver para além de um palmo à frente do nariz, não aceitam, teimosa e obstinadamente, qualquer ponto de vista que contrarie os seus. 

ALERTA PARA A ROTUNDA DA BOA VIAGEM


Começo por pedir desculpa da forma artesanal da imagem, mas os meios técnicos são modestos. Pretendo com esta pobre imagem chamar a atenção dos meus conterrâneos para um projecto que a câmara tem em discussão para lotear e permitir a edificação de um mega-estabelecimento no local distinguido com uma mancha azul. O anúncio e os elementos respectivos estão publicados no sítio do município e TAMBÉM a indicação da forma como proceder para manifestar a nossa discordância. Desconheço qual foi a recepção dos partidos políticos que compõem a Assembleia Municipal, mas espero, para ver e ajuizar os respectivos comportamentos.
Na minha modesta opinião estão a começar a assaltar o Parque da Cidade, estrangulando e reduzindo a amplitude do mesmo. Como do lado da imagem da Nª Sª da Boa Viagem ainda há um espaço verde improdutivo e do lado da esplanada também, não ficarei surpreendido que, se a falta de dinheiro nos cofres da câmara continuar e não só,continuem os loteamentos à volta da rotunda para ficar mais "acolhedora". Deixo um desafio à edilidade, dado que os meus meios técnicos não permitem, qual seja a publicação de um estudo tridimensional do aspecto com que ficará o local. 

O amor versos dedicação.


Alguns de nós possuem animais domésticos e, com a ocupação da vida quotidiana, não lhes dedicamos a atenção merecida.
A alteração da vida laboral para a condição de reforma permite que liguemos importância a situações que antes nos foram despercebidas.
Vou procurar transmitir-vos uma constatação pessoal que, ao longo de algum tempo, venho apreciando e confirmando.
Pertenço ao grupo dos que sempre possuíram animais e, relacionado com o que acima afirmei, não resisto a partilhar convosco uma situação já muito confirmada.
Todos temos passado por situações que nos provocam um estado de alteração nervosa ao ponto de sobrevir a falta de sono, facto que muitas vezes procuramos dissimular da atenção dos que nos estão próximos, até para não lhes transmitirmos o mesmo estado de ansiedade.
Acontece que, perante um animal que também nos é próximo, esta dissimulação não funciona e, por qualquer motivo, ele ali está a dar-nos a conhecer que sabe bem que estamos preocupados.
Isto mesmo já se passou comigo algumas vezes.
A condição humana inventou, para explicação de situações deste tipo, a palavra amor, no caso que vos procuro relatar só existe uma outra palavra, DEDICAÇÃO.

O FAROLIM DA CAMBÔA


(Foto Carlos Tiago)

(Foto Carlos Tiago)

Não há motivo para alarme, antes pelo contrário, o farolim foi retirado para se proceder à sua reparação e voltará ao seu lugar logo que devidamente recuperado. Ainda há quem se preocupe em manter de pé os símbolos que representam a história da nossa terra. Como filho desta terra, certamente acompanhado de muitos outros, saúdo a Direcção do Porto de Pesca, entidade que vai executar o trabalho, na pessoa do seu presidente o Snr. Engº Ricardo Esteves. 
O farolim parece que teve a felicidade de olharem por ele, já o salva vidas, seu vizinho, ainda não teve a mesma sorte.

ENCONTRO DE BANDAS NA ATOUGUIA


DIA DA RENDILHEIRA


"A Câmara Municipal de Peniche irá dinamizar, de 25 a 28 de Julho, a Mostra Internacional de Rendas de Bilros. Este evento tem como objectivos valorizar o trabalho da mulher rendilheira e a arte de tecer a renda de bilros, apresentar produtos em renda onde impere a inovação e permitir a troca de experiências em torno deste saber-fazer arreigado em vários pontos do mundo."
04-07-2013

PARA PENICHE PENSAR


A 10 de Julho será votado, na Comissão das Pescas do Parlamento Europeu, o relatório sobre o Fundo Europeu dos Assuntos Marítimos e da Pesca; em cima da mesa está a reintrodução de subsídios para construção de novos navios. Duas ONG enviaram cartas aos membros nacionais da Comissão de Pescas do Parlamento Europeu e aos chefes das delegações nacionais dos vários grupos políticos europeus, pedindo que travem essa medida.

PRAZER SILENCIOSO!

O anoitecer da nossa ilha são momentos de prazer silencioso!

Cartão de Visita do Facebook